Resumo GD Observatório – Atual contexto Ecosol Brasil

1º Observatório Fora do Eixo
terça-feira 4/6/2009
Palestrante: Diogo Manetti
– SENAES
Painel: Atual Contexto da Economia Solidária

Histórico do Cooperativismo

Princípios do cooperativismo
– solidariedade
– cooperação
– autogestão

porém, várias cooperativas não praticam esses princípios. Várias cooperativas só utilizam esse formato jurídico para burlar a lei do regulamentação trabasta. – Coopergatos. As características de uma cooperativa de ecosol, trazem os princípios do cooperativismo, porém são
lhi
década de 60/70 – camponeses já se organizavam de forma coletiva, outro ex. são os quilombolas – organização social de subsistência, autogestionária.
m
Cooper. surgiu como resposta da rev. industrial. – a ecosol com essa roupage surge no brasil com na dec de 80. – proj alternativos comunitários. Organização social e economica – mto importante para o processo de crescimento social – questão de opção –

final de 80 início de 90 – processo de abertura econ. no Brasil (neoliberalismo e diminuição do estado) – situação – fechamento de mtas empresas – direitos dos trabalhadores que eram demitidos não eram suficientes para a sustentabilidade dos mesmos – eles formavam o exército de desempregados – que começaram a se organizar (moviumento sindical) –> sugem as fábricas/empresas recuperadas autogestionárias. Hj são diversas empresas recuperadas (ex. canôes, produzem navios para petrobrás, unifor – empresa forte, principais funções do brasil). –> incorporação da ecosol em políticas públicas!!! –> deixou de ser um debate federal e passou a ser discutido nos municípios tbm. Meio da déc de 90 – Paul Singer começa a escrever sobre a Ecosol.

Anos 2000 – Primeira política pública estadual (Rio Grande do Sul) – Momento muito importante para a economia brasileira.

Secretaria nacional tinha um grande desafio – fazer uma política de ambito nacional, ainda mais nas dimensões do Brasil. Necessidade de um mapeamento da Ecosol. Os últimos dados – 51% dos municípios – 22 mil empreendimentos de ecosol no Brasil. Isso possibilitou o diálogo dentro e fora do governo com a Ecosol. –> Foum Social Mundial –> visibilidade para Ecosol.

O modelo da Ecosol está sempre aberto… não há uma fórmula, pois depende dos diversos atores que o compõe, suas individualidades e contradições.

Crescimento da Ecosol nos últimos anos – Conselho Nacional de Ecosol, pol publicas do Gov Federal (oferecidas para os empreendimentos), ainda estamos longe de responder a demanda, 3 principais necessidades mapeadas – crédito, comercialização, formação e acessoria técnica.

Hoje os atores conseguiram chegar em uma identidade da Ecosol – objetivos comuns – estamos vivendo uma verdadeira transição – nivel de des. tecnologico mto grande – deslocamento dos investimentos economicos do setro fincanceiro para o produtivo – esgotamento total da capacidade do nosso planeta em responder ao padrão de vida estabelecido –

Mudança de consumo, mudança cultural, mudança do padrão patrão-empregado (modelo organizativo). modelo de democracia burguesa (modelo Frances é demonstrativo e não participativo). Exemplo de exceção: OP de Porto Alegre. Discurso da juventude de esquerda: antiquado e que não atrai ninguém. É necessário encantar a juventude com estas novidades. O SENAES se propõe a ser os orientadores deste processo. Modelo do Circuito Fora do Eixo é exemplar. Papel importante que o Circuito Fora do Eixo pode contrinuir. Precisamos pegar a disposição das pessoas em se organizar -> trazer para a discussão da ecosol para mudar o modelo de sociedade.

———————————————-
Perguntas:

1 – thiago_Retomada thiago, Retomada, de Montes Claros: Qual o papel do Governo, como agente executor das políticas econômicas, nesse processo de transformação dos meios de produção? (fim)
O estado brasileiro tem um poder mto grande – é o ṕrincipal consumidor do brasil. Ele defendia o papel redutor do estado. O estado se inventar que vai apoiar determinado empreendimento, ele tem o poder impulsionar esse setor da economia. Ex: Minha casa minha vida – amplia a disponibilidade e estimula o setor economico – solução da crise – o gov tem o poder de financiar essa economia!O governo amplia as condições de moradia e usou o poder dele de compra e estimulou a economia. O governo em qualquer esfera poder estimular a economia, poder comprar maquinário, contratar pessoal para assessoria, alugar, etc. Ele não pode ser o protagonista do processo, tem ser apoio. Não pode ser visto como adversário, tem de sentar na mesa e conversar.

2 – nobre_foradoeixo Dione, coloque mais especificamente as ações da SENAES com a Cultura?
2004 – tentativa de relacionar a cena ind de musica com economia solidária. Resultou seguindo a conversa com o fabricio nobre para a criação da ABRAFIN. Parceria do Governo com a Abrafin – relação com todos os festivais e o governo. Minc – convenio com a abrafin para poder manter o processo de integração, articulação e mobilização do Circuito Fora do Eixo. –> curso sobre ecosol para aprimorar a relação. Identidade da Ecosol com todo o processo – organização das bandas, casas, coletivos e festivais.
3 – nobre_foradoeixo sobre como podemos fazer para ter mais forte a presença da Economia Solidária dentro próprio governo federal e nas outras instancias (estadual e municipal)? Como podemos mobilizar isso?
Hoje tem várias instancias: FBES –
Forum Brasileiro de Ecosol. Ele ainda sente falta de mobilização das cidades (municipal), não dá pra vir de cima pra baixo, as cidades precisam se organizar, procurando os sec. muncipais e estaduais até chegar no ambito federal. Não tem como a SENAES tomar as decisões sem essa mobilização das cidades. os municípios tem que ser mais propositivos.
É preciso levar o tema da Ecosol para outros ministérios, mas o crescimento da ecosol na base é que precisa pautar o governo e não vice e versa.


4 – T
alles_Goma: Dionne, a Senaes antes mesmo do MINC identificou a força deste novo movimento associativo dentro da musica brasileira, capitaneados pela Abrafin e pelo CFE. Como vc avalia hj estes 3 anos de parceria, e como vc acredita que podemos dar sequencia a este trabalho?
Uma das melhores experiencias. Porém é complicado por causa de normas e exigencias que não se cumprem. (Ex.) Demorou 2 anos para fechar a parceria com a Abrafin. Festival pode replicar novos valores, espaços de debate, discussão conscietização da juventude – conj de possiblidades que mtas pessoas não enxergam qie a cultura está associada ao trabalho (por causa de preconceito), as pessoas não incorporam a cultura como questão importante dentro da educação e trabalho.


5 – robson_cidadão do mundo –  quando se fala em economia solidaria ah um ponto nevralgico entre politica publica e politicas sociais. Como resolver isso?

– completar

6 – pergunta pablo: Como ele ve essa rede de coletivos no pais? E como ele ve a construção de um banco nacional de troca de moedas?
Entusiasta da rede. O gov tem que definir melhor qual é o papel nisto tudo. Qual é o papel do Circuito na Ecosol???
Banco nacional – idéia mto interessente, o banco central está querendo regular/reconhecer as moedas. É uma idéia mto legal, e com certeza o gov é parceiro. Instituto palmas tbm

7 – gnueverton (everton) – Não existe possibilidade de mudar a sociedade sem pensar a economia solidária, sem pensar o softwarelivre, sem pensar a comunicacao comunitária: E por isso, pergunto como ele vê a relação entre essas 3 áreas.
Everton – software Livre
Everton que abriu esse meio do sft livre e linkou com ecosol. – “Libertou” o comp do Dione do soft proprietário!
Tem tudo a ver. Você começa a entender as coisas. O governo paga um caminhão de dinheiro para os sft proprietários, eqto já existe a possibilidade de migração para o sft livre e economizar essa verba. Precisamos “libertar” essa rede do sft proprietário, pois o sft livre democratiza
e a produção? é livre?
– completar

8 – musico da argentina: Como acha que um país como Argentina, onde o estado nao da apoio nenhum a cooperativas e organizações de economia solidaria, poderiam ser daodos os primeiros passos pra mudar essa ralidade?
existe um movimento para a Articulação Latino Americana. Convite para estsr presente no Forum Nacional de Ecosol de 22 a 24 de janeiro em Santa Rita do Sul. E neste evento talvez poder conversar para ajudá-lo para contribuir no processo do crescimento da ecosol na argentina…

Esse debate sobre a ecosol é um debate mto atual e pretendemos avançar na luta contra esse modelo atual que é incapaz de , nocivo ao meio ambinete, e que não vai contribuir pra nos tirar da situação brutal que nos encontramos hj. A ecosol é um novo modelo que precisamos construir. autogestionario, coletivo, é um procsesso longo, mudança cultural, afirma que acredita no que estmos contruindo, 40 milhoes de trabalahadores, precisamos continuar mantendo essa relação integrando os diferentes segmentos que a ecosol abrange (soft livre, radios comunitáris etc.)